AaBb1БДЖ2ΦΩφω3ĞğŞş4ŤťŢţ home: aquilo de infinito ser outra história

February 28, 2011

aquilo de infinito ser outra história

Frente à frente.
Os sonhos são furados no animal comendo as juntas de joelhos. Percebeu as matas, os laços, a barba. E gemeu. Grave e alto.
Alto e mágico.
Há tempos tento encontrar um bom momento. Amanheceram na ocasião propicia.
Aquilo de infinito ser outra história. É.

2 comments:

Olga Lamas said...

Infinito a perder de vista. Redundantemente-mente-ente-e... é isso mesmo.

Saulo Moreira said...

Olga esse texto sao tantas coisas em poucos dias. Ë o nosso corpo infinito. Que bom vc taqui atravessando minha casa.