AaBb1БДЖ2ΦΩφω3ĞğŞş4ŤťŢţ home: poema antigo sem data de uma certa vez

April 16, 2009

poema antigo sem data de uma certa vez

lampejo caligrafado
eu
lampião rosa bonita
antes de arrumar
a mala.
quero frágil
decalcar sem lentes
as ficções-confissões
sussuradas ao pé
do ouvido.

depois: escovo lágrimas evitando dentes.

1 comment:

gilson figueiredo said...

opa!

esse surpreende...

abraço!!